história

Posts na tag história

Um filme para assistir no Final de semana e outro para passar longe!

out 02, 2014 às 09:46 por em Filmes/Cinema, Home, Lifestyle . 0 comentários

Bom dia lindonas, como vocês estão?

Hoje é dia de falar sobre dois filmes que assisti domingo – nossa, fazia MUITO tempo que não falava sobre esse assunto e também que eu não assistia filmes, OMG! – um deles é muito bom e o outro é péssimo, então, achei que seria bacana compartilhar essas experiências com vocês. Vamos lá?

Álbum de Família

Album-de-Familia-Poster-BRasileiro

filme-album-de-familia-2013

SinopseBarbara (Julia Roberts), Ivy (Julianne Nicholson) e Karen (Juliette Lewis) são três irmãs que são obrigadas a voltar para casa e cuidar da mãe viciada em medicamentos e com câncer (Meryl Streep), após o desaparecimento do pai delas (Sam Shepard). O encontro provoca diversos conflitos e mostra que nenhum segredo estará protegido. Enquanto tenta lidar com a mãe, Barbara ainda terá que conviver com os problemas pessoais, com difíceis relações com o ex-marido (Ewan McGregor) e com a filha adolescente (Abigail Breslin).

Bom, como o filme é com a Meryl Streep e Julia Roberts, achávamos que ia ser super bacana, sabe? E nos enganamos demais. O filme é HORRÍVEL, com um enredo fraquíssimo e sem um objetivo, sem uma razão para nos prender e nos fazer querer assistir ou saber o final. Na verdade, nem final ele tem direito e eu não recomendo ele para ninguém.

Pompéia

pompeia_1

kit-harington-pompeii-600x372

Só uma observação antes da sinopse: SIM, o filme é com o lindo, maravilhoso, gato, perfeito do Kit Harington, o Jon Snow de Game of Thrones!

SinopseCom 6 anos apenas, Milo assiste ao assassinato dos seus pais e do seu povo às mãos do sanguinário Senador Corvis. Capturado e vendido como escravo, Milo torna-se num triunfante gladiador de Popeia que conquista o coração de Cassia, a filha do regente da cidade romana Pompeia. Milo encontra – se numa luta contra o tempo, procurando resgatar o seu amor do casamento negociado entre seus pais e o Senador Corvis, enquanto o monte Vesúvio entra em erupção e Pompeia se desmorona em seu redor.

Bom, o filme é bem previsível – já que a destruição de Pompeia está nos livros de história – mas vale muito a pena assistir. E não digo isso pelo ator ou por qualquer outra coisa, mas porque é sempre enriquecedor e interessante assistir filmes que acrescentam cultura às nossas vidas, sabe? Pelo menos, é o que eu sinto quando os assisto. A produção e os efeitos especiais são bem bacanas também! Se você gosta de história, vai amar!

E é isso! Essas são as minhas dicas, bem contraditórias, para vocês! Espero que tenham gostado e me contem se vocês já assistiram esses filmes e se compartilham da mesma opinião que eu.

Beijo Beijo

Wishlist de filmes: Malévola e A Culpa é das Estrelas

jun 06, 2014 às 15:26 por em Home . 0 comentários

Hoje também é dia de mostrar a minha wishlist de fillmes mais recente para vocês, e é claro que eu quero ver outros filmes além de Malévola e A Culpa é das Estrelas, mas selecionei esses dois por estarem fazendo muito sucesso e também porque achei que vocês iam querer saber mais sobre eles.

Bom, vou contar um pouquinho da Sinopse para vocês e também coloquei os trailers para facilitar a vida das minhas leitoras lindas. Espero que vocês gostem e desejem assistir tanto quanto eu!

Malévola

lead_large

Bom, esse filme estreou na semana passada e desde então está o maior burburinho. A história é basicamente sobre a vida da bruxa da Bela Adormecida e é como se contasse o “lado dela da história”, sabe? Para quem não sabe, ela foi apaixonada pelo pai da princesa Aurora e como foi abandonada por ele, resolveu descontar toda sua raiva em sua filha. Eu estou DOIDA para assistir e recordar a minha infância. Veja o trailer:

A Culpa é das Estrelas

RTEmagicC_fe3d412cb6.jpg

Bom, para quem já leu o livro, a história não tem segredo algum. Ela se baseia na história de dois adolescentes que se amam, e que tem algo em comum que poucos tem: câncer. Eles tem uma visão diferente da doença e ensinam um ao outro como viver a vida, mesmo com os obstáculos que são obrigados a passar. Acredito que seja uma grande lição de vida! O filme estreou hoje, se não me engano! Vejam o trailer:

Assim que eu assistir eles, conto aqui minha opinião! Quem mais está curioso?

Beijo Beijo e um ótimo final de semana!

Os filmes mais legais do momento!

mai 08, 2014 às 16:00 por em Filmes/Cinema, Home . 0 comentários

Olá lindonas, como estão?

Resolvi fazer uma listinha dos filmes que eu quero assistir, já que o tempo anda curto para ir ao cinema e eu não assisti nadaaa para poder fazer uma resenha para vocês. Vamos lá?

SOS Mulheres ao mar

sos-mulheres-ao-mar

“Adriana embarca em um cruzeiro decidida a reconquistar seu ex-marido Eduardo que está com uma nova namorada, Beatriz, estrela da TV. Adriana leva sua irmã Luiza e a empregada Dialinda incentivada pelo livro “SOS – Salvando um Sonho” a estragar a viagem de seu antigo namorado. No entanto, durante o passeio, essas conhecem novas pessoas e descobrem surpreendentes caminhos e soluções para suas vidas.”

Ouvi falar muuuito bem desse filme com a Giovanna Antonelli e fiquei mega curiosa para assistir! Adoro filmes brasileiros que sejam bem humorados e leves, sabe?

Rio 2

img5127e894de225

“Continuação do sucesso “Rio”, mais uma vez dirigida pelo brasileiro Carlos Saldanha, que contará as novas aventuras da arara azul Blu e sua companheira Jade na cidade do Rio de Janeiro. Desta vez, Blu e Jade têm filhos, um macho e uma fêmea, e esta última tem medo de voar, exatamente como o seu pai… Juntos, a nova família vai se envolver em uma trama em meio à Copa do Mundo de 2014.”

Como eu AMEI o primeiro filme Rio, não poderia deixar de querer assistir o segundo, tanto por ser uma delícia de assistir quanto por acontecer no RJ, no meio da Copa.

Divergente

diver

“Na futurística Chicago, quando a adolescente Beatrice completa 16 anos ela tem que escolher entre as diferentes facções que a cidade está dividida. Elas são cinco, e cada uma representa um valor diferente, como honestidade, generosidade, coragem e outros. Beatrice surpreende a todos e até a si mesma quando decide pela facção dos destemidos, escolhendo uma diferente da família, e tendo que abandonar o lar. Ao entrar para a Dauntless, ela torna-se Tris e vai enfrentar uma jornada para afastar seus medos e descobrir quem é de verdade. Além disso, Tris conhece Four, um rapaz mais experiente na facção que ela, e que consegue intrigá-la e encantá-la ao mesmo tempo.”

De tanto burburinho em cima desse filme – e também dos livros – fiquei curiosa para assistir e ler a história. Alguém aqui já assistiu?

Noé

616x287xnoe3.jpg.pagespeed.ic.PHiUdGAvwu

“Adaptação do conto bíblico de Noé. De acordo com a Bíblia, Deus estava descontente com a perversidade dos humanos e pretendia destruí-los, poupando apenas os animais e Noé, que ele considerava o único homem justo na Terra. Assim, ele deu ordens a Noé para construir uma arca e abrigar um casal de cada espécie de animal existente na natureza, afim de protegê-los do dilúvio.”

Eu vi o trailler desse filme quando fui assistir Ninfomaníaca – parte 1 e AMEI! Quero muuuito assistir, provavelmente vai ser o primeiro da lista (e olha que já ouvi falarem mal e bem dele).

Getúlio

getu

“Agosto de 1954. O jornalista de oposição e dono de jornal Carlos Lacerda (Alexandre Borges), sofre um atentado a bala na porta da sua casa em Copacabana. O pistoleiro erra o tiro e mata o Major da Aeronáutica Rubens Vaz, que fazia a segurança de Lacerda. O presidente da República, Getúlio Vargas (Tony Ramos), é acusado de mandar matar o maior inimigo político do seu governo. Getúlio passa a ser pressionado por lideranças militares e pela oposição para renunciar ao mandato. As investigações mostram que a ordem para o atentado saiu de dentro do Palácio do Catete. O tenente Gregório Fortunato (Thiago Justino), chefe da guarda pessoal do presidente e seu homem de confiança há anos, é acusado. Ao lado da filha, Alzira Vargas (Drica Moraes), seu braço direito na presidência, e colaboradores fiéis como Tancredo Neves (Michel Bercovitch) e o general Zenóbio da Costa (Adriano Garib), Getúlio tenta se manter no poder e provar sua inocência. Diante das ameaças que pedem a deposição imediata, o presidente comete um ato extremo.”

Adoro filmes de história e não poderia ser diferente com o filme de Getúlio Vargas, ainda mais por ser uma história do nosso país e por eu não ter vivido ela! Quem também pensa assim?

YSL

cartaz-do-filme-yves-saint-laurent-de-jalil-lespert-1389115175574_300x420

“Paris, 1957. Com apenas 21 anos, Yves Saint Laurent é chamado cuidar do futuro da prestigiosa grife de alta costura fundada por Christian Dior – falecido recentemente. Depois de seu primeiro desfile triunfal, ele vai conhecer Pierre Bergé e este encontro irá abalar sua vida. Amantes e parceiros de trabalho, os dois se associam a fim de criar a grife Yves Saint Laurent. Apesar de suas obsessões e demônios interiores, Saint Laurent vai revolucionar o mundo da moda com sua abordagem moderna e iconoclasta.”

Assim como acontece com filmes de história, eu adoro filmes sobre personalidades e moda. Mesmo nunca não tendo usado ou comprado (ainda) algo da YSL, adoro a marca e sua formação, então, nada como ver o filme, certo?

Bom gente, essa foi a minha listinha! Agora quero saber: quais filmes vocês assistiram e o que acharam?

Beijo Beijo

O que eu achei: Ninfomaníaca

jan 21, 2014 às 10:43 por em Filmes/Cinema, Home . 0 comentários

Olá queridonas, como estão?

Em algum momento (não lembro em qual post), eu falei que tinha ido ao cinema no final de semana passado, lembram? Então, fui ver o tão comentado filme do Lars Von Trier: Ninfomaníaca. Vocês já perceberam que eu gosto de vários tipos de filmes, inclusive os “cult” e não é diferente com os filmes desse diretor que eu aprendi a gostar na faculdade – sim, quando você faz propaganda e marketing na ESPM, tem que assistir alguns filmes desconhecidos e que fogem do comum, sabe? E foi aí que me apaixonei pelos filmes semióticos e em sua maioria, estrangeiros.

Bom, como não podia deixar de ser, o filme me prendeu bastante e eu adorei a forma com que a história foi contada e com os paralelos que rolam no meio. Se você não gosta de histórias “interrompidas” – quando outra pessoa interrompe o narrador e explica o que entendeu da fala – e de meios figurativos para explicar o que está acontecendo, é melhor nem assistir Ninfomaníaca. Ah, se você estiver esperando um pornô pesado, também esqueça. Não foi para isso que Lars Von Trier veio.

ninfomaniaca-von-trier-poster

Lembra o que falei acima sobre assistir filmes na faculdade? Então, encontrei no perfil do professor responsável pela matéria, uma síntese perfeita sobre o filme:

“Uma rebelião contra o amor

Ninfomaníaca, de Lars von Trier, põe em xeque as diferenças entre sexo e amor, vai fundo, coloca o dedo na ferida contemporânea da ausência de vínculos nas relações. Quem espera erotismo tosco vai encontrar arte, cinema inteligente, construções de cenas e personagens que dão o tom do anticlímax psicológico que sai da cama e constrói a intimidade longe dela, numa longa confidência que é a “memória” do filme. Trata-se do conflito permanente sobre o significado da liberdade, a fuga pelo prazer e a inevitável frustração. 

A ninfomania é abordada como ausência de sensibilidade que deflagra uma rebelião contra o amor. Por que? Porque amor é risco e sofrimento, “luxúria e ciúmes”, “nos faz mentir dizendo não quando queremos dizer sim”, segundo as palavras da protagonista Joe. Então, escapa-se dele pelas relações polifônicas, mostradas com maestria numa analogia entre sexo e música, com uma personagem dividida entre vários homens ao som de Bach. A frase “o segredo do sexo é o amor” é o enigma a ser decifrado pelas mulheres que gozam a liberdade de cair no vazio. Mas o vazio de Lars von Trier carrega uma poesia devastadora nas cenas mais cruas que invadem genitálias e provocam nossos sentidos até reencontrar a emoção sob as camadas mecânicas do sexo.”

Ansiosa para o Ninfomaníaca 2!!!!

Beijo Beijo

Em ritmo de Carnaval!

fev 06, 2013 às 18:30 por em Curiosidades, Home . 0 comentários

Olá meninas! Tudo certinho por aí?

Estamos cada vez mais perto do feriado do carnaval, que começa nessa sexta-feira a noite. Ou seja, faltam só dois dias para curtir 4 dias inteirinhos de festa! Mas, vocês sabem onde, como e porque essa festa surgiu? E qual o sentido das fantasias? Não? Vem descobrir comigo!

desenho_para_colorir_-_carnaval_(3)

Bom, pra começar, muita gente acha que o carnaval começou aqui no Brasil, com muito samba e rebolado (ok, eu pensava isso e acho que não sou a única), mas não é verdade! A festa, regada a comida e bebida, começou na Grécia, mais ou menos em 550 a.C, para que os gregos pudessem agradecer os deuses pela fertilidade do solo e produção de alimentos. Já na Idade Média, a Igreja Católica quis incorporar a festa em seu calendário e escolheu os quatro últimos dias antes da Quaresma, para que as pessoas pudessem comer carne a vontade!

Imagem2

Foi só no século 13, que o carnaval começou a ter a cara que nós conhecemos, já que foi nessa época que os bailes de máscara começaram, principalmente na Itália. Obviamente, como tudo naquela época, a festa era restrita à nobreza. Já no século 19, na Europa, as fantasias começaram a fazer parte das festividades. Se você pensa que o Brasil estava fora disso tudo, está enganado (de novo, hahaha). O carnaval chegou aqui com os portugueses, mais ou menos no século 17, e foi muito aproveitado pelos escravos, que se divertiam fazendo “guerras” de água e farinha.

Imagem6

Com o passar do tempo, mais precisamente no século 19 (como na Europa), aderimos às festas de salão, frequentadas apenas pelos mais ricos (o que já era de se esperar). Até aí, não existia o samba,pelo contrário, qualquer música tocava na festa, o importante era festejar.

Imagem1

Foi só em 1899, que a primeira marchinha foi feita:”Ó abre alas”, de Chiquinha Gonzaga. Com ela, muitas outras foram criadas e as pessoas gostaram muito da letra descontraída tocada em um ritmo alegre. Mas isso ainda não foi o suficiente para fazer o carnaval a festa que conhecemos hoje. Foi preciso uma jogada estratégica de Getúlio Vargas (presidente do Brasil na época), que percebeu no carnaval um potencial “negócio” (sentido econômico da palavra) para o país, já que o público gostou muito das marchinhas. Por causa disso, ele investiu na organização do carnaval, abrindo cidades para desfiles e incentivando as atividades das escolas de samba, que começaram a surgir.

Imagem4

Imagem5

Amei saber isso tudo, é sempre bom descobrir coisas novas ;)

Gostaram? Já sabiam disso?

Comentem aqui embaixo !

Beijo Beijo